busca

envie um email telefones para contato

10:03 - 06/11/13
Iluminação Criativa

A edição deste ano do Festival de Design de Londres trouxe apresentou várias tendências no segmento de decoração de ambientes. Um dos destaques deste ano é a iluminação criativa. O mais impressionante do festival são as formas diversamente criativas em que os designers estão pensando em como projetar luz, criar ambiente e dialogar com o desejo para artesanal em um setor industrial. Abaixo estão alguns exemplos dessa proeza artística.

Ed Swan: The Fine Line

 

Apelidado de "The Fine Line", graças à sua principal característica, um cabo elétrico verde brilhante que, quando solto, permite que a lâmpada seja desmontada e quando esticadas e enroladas em torno da base, mantém a lâmpada rigidamente ereta. 

Jess Shaw: Joy Traveller

 

O designer britânico Jess Shaw marcou o festival com a sua peça chamada "Joy Traveller", criada com exclusividade para uma galeria de arte em Londres, onde a sua estrutura caprichosa combinou muito bem contra paredes de concreto do edifício. Minuciosamente tecida de flores  clematis vitalba, o único lustre expressa o interesse de Shaw em fazer "projetos de iluminação imaginativa e emocional."

Bec Brittain: Maxhedron

 

A criação de Brittain possui uma luz de funcionamento duplo que serve como um objeto espelhado impressionante refletindo seus arredores quando desligado, e quando iluminado se torna uma "constelação de pontos", devido a pequenos bulbos escondidos dentro de inúmeros cantos da estrutura retangular.

Mineheart: Luminária King Edison

Obra ousada de Mineheart "King Edison", as lâmpadas pedem uma segunda olhada. As luzes possuem um lustre de bronze em miniatura dentro de um pingente de vidro soprado à mão, em um esforço para combinar a simples estética de uma lâmpada de Edison, com o romance vitoriano lustres de época.

 

Se inspire nas tendências, se diferencie buscando o que mais combina com você.

 

 

Fonte: Coolhunting 

| Mais

 
Veja também


 
Comentários