busca

envie um email telefones para contato

08:41 - 20/05/10
Goiás é que mais investe em política habitacional

Levantamento feito pela Caixa Econômica Federal mostra que Goiás é o Estado da federação que mais contratou recursos para investimento no setor habitacional. Segundo informações da presidente da instituição, Maria Fernanda Ramos Coelho, o Estado tem a melhor performance do País e contratou, até agora, mais de 74% dos recursos destinados para o Programa Minha Casa Minha Vida. E está muito à frente dos demais Estados. A média nacional é de 44%, afirmou. Os dados foram apresentados no começo deste mês, durante um evento no município de Senador Canedo que marcou a regularização fundiária de 172 imóveis no Conjunto Sabiá, em Senador Canedo, e no Conjunto Planície, em Aparecida de Goiânia. 

O governador se mostrou orgulhoso com mais esta conquista e destacou as parcerias como pilares de sustentação para alcançar resultados tão expressivos. “Estamos orgulhosos. E isso acontece graças a uma parceria com nossos vereadores, nossos parlamentares, nossos prefeitos. É um momento feliz, de conquista. Isso demonstra, de forma clara, o grande trabalho feito por nós”, avaliou o governador. 

Negociação

Numa negociação histórica, o Governo estadual quitou a maior parte da dívida que as famílias tinham junto à CEF. Por determinação do governador Alcides Rodrigues, a Agehab negociou diretamente com o banco, em Brasília, atenuando a dívida que era de R$ 7,9 milhões para R$ 2,2 milhões e assumindo a responsabilidade pela quitação, em parceria com as prefeituras das duas cidades. 

“A inadimplência culminaria no despejo dessas famílias. Mas o Governo de Goiás encontrou a solução definitiva para o caso”, disse a presidente da Agehab, Silmara Vieira. A ação de regularização financeira em Senador Canedo e Aparecida de Goiânia faz parte do Programa Moradia Digna, do Governo estadual, que prevê a renegociação de dívidas de 33 mil imóveis no Estado. Em outras frentes de atuação, o programa também prevê a promoção habitacional de 50 mil novas moradias e regularização fundiária de outros 80 mil imóveis em todo Estado.

 

Fonte: revista JR Soluções

http://www.revistajrsolucoes.com.br/index.php?mact=News,cntnt01,detail,0&cntnt01articleid=71&cntnt01origid=15&cntnt01returnid=16

| Mais

 
Veja também


 
Comentários